As Perdas

Em Covas e Vila Nova de Oliveirinha morreram duas pessoas durante o incêndio. Um casal que tinha voltado à terra, depois de ambos se reformarem. As perdas incluem ainda dezenas de casas, hortas e barracões agrícolas. Cerca de 300 famílias tiveram prejuízos e 90% do território agrícola e florestal da União das freguesias foi afetado.

Os Desejos

Depois do incêndio quisemos saber o que as pessoas gostariam que acontecesse em outubro de 2018. Encontrámos uma comunidade que desejava voltar à normalidade o mais rapidamente possível.

A Realidade

Quando está a passar um ano depois da tragédia, o que mudou e como estão os habitantes de Covas e Vila Nova de Oliveirinha?

União das freguesias de Covas e Vila Nova de Oliveirinha

O incêndio de 15 de outubro de 2017 afetou cerca de 90% do território da União das freguesias de Covas e Vila Nova de Oliveirinha, no concelho de Tábua.